2º Encontro: Design Emocional

Standard

Antes de mais nada gostaria de agradecer aos participantes do nosso último encontro ocorrido no dia 04/04 na Ogilvy Brasil.

O livro escolhido para o 2º encontro do UxBx SP foi: Design Emocional, o livro do psicólogo, engenheiro elétrico e professor de ciência da computação americano Donald Norman, que inclusive, está confirmado para o próximo Interaction South America, que irá acontecer aqui em São Paulo entre os dias 1, 2 e 3 de Novembro de 2012 no Teatro Gazeta Paulista.

A discussão foi dividida em e principais tópicos: 3 dimensões do design, robôs e todos somos designers. Como pode ver foi pouco tempo para muitos assuntos interessantes.

3 Dimensões do design
Foi apresentados de forma resumida as 3 dimensões do design: Visceral, Comportamental e Reflexivo, afim de convidar os participantes para a partir desse pensamento, identificar nas suas experiências, produtos e serviços diárias. Os participantes escreviam em post its suas ideias e colavam no quadro!

Trouxemos impressos, produtos, serviços, sites, experiências e imagens do livro, afim de que os participantes “categorizassem” de acordo com seus conhecimentos. Após isso discutimos um pouco sobre modelos mentais, onde foi questionado: o modelo mental do usuário tem que ser o mesmo do designer?

Robôs
Passamos pelos tão aclamados Robôs (que o Nasser estava doido para falar) onde o Norman cita que no futuro a emoção será importante para o funcionamento dos robôs. Surgiram alguma exemplos que foram compartilhados neste post, neste post também e neste outro post no nosso grupo do Facebook. Conversamos também sobre as Três Leis da Robótica são leis que foram elaboradas pelo escritor Isaac Asimov em seu livro de ficção I, Robot (“Eu, Robô”) que dirigem o comportamento dos robôs.

ALL YOU NEED IS LOVE OU SOMOS TODOS DESIGNERS
Foi só o assunto que faltou, a ideia era conversar sobre o que o autor fala sobre quem não estuda design também é designer. Os tópicos da apresentação nesse momento viriam a elucidar essa discussão, mas ficaríamos mais tempo do que previsto.

Para quem não foi fica o convite para ir nos próximos, além de conferir a apresentação e algumas fotos do encontro.

 

Em relação ao próximo encontro estamos preparando uma surpresa e em breve estaremos divulgando.

Espero vocês no próximo encontro.

As Leis da Simplicidade

Screen Shot 2012-02-29 at 11.37.17 PM
Standard

A Ogilvy Brasil recebeu no dia 09/02, o primeiro encontro em SP promovido pelo UX Book Club, comunidade que reúne profissionais da área digital para discutir livros sobre User Experience (UX). O objetivo é desenvolver habilidades e conhecimentos dos profissionais de design de interação, arquitetos de informação, especialistas em interação, designers de interface e áreas ligadas, por meio da leitura e do debate. Desta vez, o livro em debate foi “As Leis da Simplicidade”, de John Maeda.

O evento contou com a presença de Laert Yamazaki (UxBc Salvador), o moderador Euripedis (Ogilvy/Impacta), os organizadores Murilo Lima e Nasser Said e os participantes deste primeiro encontro. Fica aqui o nosso muito obrigado a todos.

 

Todos podem dar uma olhada na apresentação e também um infográfico resumindo um pouco do que falamos nesse 1º encontro.

1º Encontro do Ux Book Club Sao Paulo

Infográfico do Evento

Infográfico do Evento

 


 

E quem participou do encontro pode complementar nosso resuminho com comentários.
E para o próximo encontro já temos o livro definido na votação do facebook é o livro: Design Emocional de Donald Normam. Boa leitura e até o próximo encontro que acontecerá no inicio de abril. Ainda estamos fechando a data e o local e em breve iremos divulgar, enquanto isso boa leitura.

1º Encontro: Simplicidade

Standard

No primeiro encontro, a discussão foi sobre o livro de John Maeda “As Leis da Simplicidade”. Nesse momento, conversamos sobre todas as leis e como elas se aplicavam diariamente ao trabalho do designer.

Reduzir, Organizar, Aprender, Contexto, Emoção, dentre outras leis. Exemplos como iPhone, cabine de avião, controles remotos e a “Única” lei citada também, onde o autor fala que “…A simplicidade consiste em subtrair o óbvio e acrescentar o significativo…”

Para finalizar, conversamos sobre distanciamento, abertura e energia dentro do contexto das leis da simplicidade.

Para ver a apresentação referencial da discussão, acesse: